Carlos Alberto, “dos gramados para o salão”

Por Dionis Ramos

A revista Bola em Jogo entrevistou o Atleta gaúcho de 27 anos, Carlos Alberto Costa de Azevedo, O Beto, que durante 10 anos brilhou nos gramados de clubes nacionais e no cenário europeu e agora optou por apostar no futebol de salão para seguir carreira.

BJ – Beto, como começou a sua trajetória como atleta nos gramados?

Beto – A minha trajetória iniciou na base do Internacional, participei do Gauchão pelo Inter.

BJ – Chegou a conquistar algum título pelo Inter?

Beto – A minha trajetória no Inter foi muito breve, no meio do Gauchão eu saí para jogar no Juventude, isso foi no período da minha pré-adolescência para cima, depois fui para o Osasco em seguida joguei na Portuguesa.

BJ- Em qual clube você se profissionalizou?

Beto – Na Portuguesa eu fiz toda a minha base e lá eu acabei me profissionalizando.

BJ- Como ocorreu seu ingresso ao futebol europeu?

Passagem pela Portuguesa
Beto – Depois que eu saí da Portuguesa eu fui jogar em um clube gaúcho, o Atlético de Carazinho, onde surgiu uma oportunidade para jogar na Europa.

BJ- Em qual clube você jogou na Europa?

Beto – Eu joguei pelo Clube do Boa Vista, joguei por 2 anos e tive uma passagem muito boa por esse clube.

BJ- Nesse período que você atuou nos gramados, quais títulos você conquistou?

Beto – Eu conquistei 02 títulos no Paulistão, 01 Liga da Europa, 01 Campeonato Nacional pelo Boa Vista e 01 Acesso. Eu considero títulos não muito expressivos, mas me ajudaram como atleta.

BJ- Dentro desse contexto você teve a oportunidade de conhecer atletas e equipes que influenciaram a tua carreira?

Beto – Sim, nós jogamos a Pré Champions contra o Benfica, o Porto, joguei contra o Aimar, o Martínez, hoje do Porto, contra o Danilo, tivemos boas passagens no Estádio Da Luz, Estádio do Dragão, jogamos contra o Sport, essas experiências foram boas, pois tive contato com excelentes profissionais, excelentes pessoas dentro e fora dos gramados.

BJ- Beto, jogar fora do Brasil é o sonho de muitos atletas, o que o levou a voltar para o Brasil?

Beto – Devido alguns problemas familiares eu me vi obrigado a abandonar os gramados e voltar para o Brasil e hoje eu optei por investir na minha carreira como jogador de futsal e tem sido uma ótima experiência.

Passagem pelo Atlético de Carazinho

BJ- Você já teve alguma atuação nesse período de tempo, nessa nova modalidade?

Beto – Sim, eu tive a oportunidade de Jogar no ACA Futsal, uma equipe bem conhecida em Cachoeira que joga a Série Ouro.

BJ – Beto dos gramados para o salão, como está sendo essa adaptação?

Beto – Tem sido uma experiência bem desafiadora, hoje eu estou passando por um processo de adaptação, mas eu tenho uma boa expectativa para o futsal e sei que somente com muito esforço e dedicação eu vou chegar lá. Finaliza.

O Bola em Jogo estará acompanhando as atividades do atleta e fazendo a cobertura dos eventos.

Mais informações acesse:https://carlosalbertoazevedofutsal.blogspot.com.br/


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/bolaemjogo/www/wp-includes/functions.php on line 3778

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/bolaemjogo/www/wp-includes/functions.php on line 3778